Goodbye e peruca?

Campinas, quarta-feira, 18 de Fevereiro de 2014


Oi galera, desculpa a demora para fazer esse post, minhas semanas aqui foram absurdas de ocupadas. Pois é então, eu voltei pro Brasil, já estou na minha casinha nesse calor que eu vou te contar uma coisa viu, pelo amor de deus.

Deixando esse calor do inferno de lado, a minha ultima semana foi uma coisa ALTAMENTE corrida, nao deu tempo de fazer muita coisa que eu queria, mas tudo bem. Eu tive uma festinha da escola para os estudantes internacionais que tavam voltando pra casa nesse semestre, e nós recebemos um certificado e tudo mais, foi bem legal!




 Todos os estudantes internacionais que estavam indo embora.

No meu ultimo dia eu andei muito, fiquei o dia inteiro fora, foi um tanto quanto estressante, mas tudo bem, foi um dos dias mais engraçados tambem. Eu consegui ficar 5 meses direto sem cair dentro do onibus, e eu consegui a proeza de cair no ultimo dia, no ultimo onibus que eu peguei la. Foi simplesmente hilario por que eu nao simplesmente cai, eu voei dentro do onibus hahahaha. 

A gente so conseguiu tirar uma foto do ultimo dia infelizmente foi muito corrido.


No dia seguinte, meu voo era 6:30 da manha, eu tive que acordar as 4 pra poder dar tempo de fazer tudo e despedir de todos também. Cheguei em Toronto aproximadamente 14 da tarde, não dormi nada no avião de Victoria até Toronto, mas tudo bem. Meu voo para o Brasil era quase meia noite, pois é, meia noite, fiquei esse tempo todo no aeroporto, deu tempo de eu me perder la e tudo mais ahhahah. 


Meu voo para cá, ainda atrasou uns 20 min por causa de duas pessoas que nao tinham embarcado e tudo mais, eu tomei dramin assim que eu entrei entao na hora do jantar eu tava morrendo de sono ja. Dormi a viagem toda, só acordei na hora do café, dai eu fiquei acordada até chegar. Eu estava tremendo de ansiedade quando a gente pousou, queria muito descer logo do avião e ir correndo ver o pessoal. Até falei em ingles com a mulher da policia federal, ela riu de mim hahaha.

Só por que eu tava muito ansiosa, a minha mala foi uma das ultimas a chegar, eu la tremendo ate o joelho de nervosismo e a minha mala nao chegava por nada. Enfim, chegou finalmente e eu esperei o resto do pessoal e sai na frente por que né... não tava mais conseguindo esperar.

Eu sai e travei o transito de pessoas que tavam atras de mim por que eu ja sai abraçando meu namorado e mais todo mundo na minha frente e larguei o carrinho de lado hahahaha, minha mae ficou brava por um momento mas depois passou.



A hora da despedida é a pior parte, eu nao chorei por que eu me controlei muito, mas eu tava quase, eu ja estou sentindo uma falta absurda de la, to querendo pegar o primeiro avião pra Bahia ou pro Rio pra ir ver meus amigos, eu nao aguento mais, quero eles de volta!!

Enfim, vamos pular a parte do "quero voltar" para a parte "estou feliz em estar de volta". Eu estou muito feliz de estar de volta, eu senti muita falta dos meus amigos daqui, muita mesmo.

Depois do aeroporto, eu fui para a casa da minha avó, onde meus amigos meu namorado e um churrasco estavam me esperando la hahaha.




Eu cheguei e a primeira coisa que me falaram não foi "meu deus que saudade que eu tava" mas sim "nossa, como você ta branca" pois é né gente hahahah. Esse foi o meu primeiro dia, foi bem emocionante, muito bom ver todo mundo de novo!

Agora uma coisa que nao sei se interessa muito aqui mas sei la, quero falar hahaha. Eu cortei meu cabelo gente, mas nao cortei pouco, cortei meu cabelo de verdade: 



Ai você vira e fala "mas meu deus por que você fez isso sua louca! Que coragem!" então eu vim explicar aqui uma ultima vez o por que eu fiz isso. Eu amava meu cabelo comprido pra começar, não cortei por que eu achava ele feio, longe disso. No começo eu tava com muito medo de não gostar do resultado, tanto é que na hora que eu cortei, estranhei demais! Mas eu tive muito apoio de muita gente, mas principalmente do meu namorado, ele com certeza foi a pessoa que mais me apoiou, justamente por saber por tudo que eu passei. Ele, sem sombra de duvidas foi o que mais me apoiou.


Eu cortei o meu cabelo por que eu quero fazer uma boa ação para pessoas que tem câncer. No início eu gostaria de fazer uma peruca e doar ela para uma instituição de crianças e adolescentes com câncer aqui da minha cidade. Mas depois eu vi que fazer a peruca é muito caro, muito mesmo, então a minha madrasta me deu a idéia de vender o meu cabelo e doar o dinheiro que eu conseguir com ele. Eu ainda estou muito em duvida no que eu vou fazer, mas de qualquer jeito, essa peruca ou dinheiro vai para essa instituição de câncer daqui de Campinas. O nome da instituição é Boldrini, para quem quiser ver o trabalho deles e até mesmo ajudar, o site é http://www.boldrini.org.br/ e a página do facebook é https://www.facebook.com/boldrinihospital .

O por que eu fiz isso, bom, são motivos bem pessoais, mas vale a pena repartir algum deles com vocês. Varias pessoas da minha família tem histórico de câncer, e eu perdi recentemente a minha avó, por parte de pai, de câncer também, eu queria fazer alguma coisa para poder ajudar essas pessoas ou para ver pelo menos um sorriso de verdade no rosto delas, e eu pensei em cortar o cabelo e fazer uma peruca e basicamente é essa a minha história. Então não me chamem de louca hahah eu fiz isso por amor e por que tudo o que eu quero é ajudar.


Enfim, eu não sei o que vai ser mais deste blog, aceito sugestões, obrigada quem me acompanha desde o primeiro post, foi muito importante pra mim compartilhar a minha vivência longe da familia a amigos e do meu país. Obrigada a todos que me apoiaram desde o início, e principalmente, obrigada por todos que fizeram desse meu intercâmbio, a melhor experiência de vida que qualquer um poderia pedir! Eu amo muito vocês!

See you soon,
Bruna